GOODSOY
Página Inicial
A Goodsoy
Produtos
Onde encontrar


Desde 2002, sob o incentivo da Embrapa, a GoodSoy desenvolve, produz e disponibiliza alimentos funcionais à base de soja.Com total domínio da cadeia da soja, desde o desenvolvimento genético até a mesa do consumidor, a GoodSoy tem abraçado esta causa numa busca incansável pela excelência em produtos inovadores, saudáveis e gostosos.

A recompensa é saber que com seus produtos pode contribuir para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Tudo isso com responsabilidade social, cuidando do meio ambiente e preservando-o para as futuras gerações ao adotar tecnologias que não o agridem.

Conheça mais da GoodSoy e seus produtos navegando pelo site.
A GoodSoy disponibiliza para você saúde e qualidade de vida, desenvolvendo alimentos funcionais, que além de saudáveis e nutritivos são incrivelmente saborosos.

Você vai se deliciar e obter os benefícios que a soja pode proporcionar à sua saúde.
A GoodSoy tem uma linha de produtos para cada necessidade: tradicionais, light, sem glúten e sem lactose.

Saiba mais sobre os benefícios da soja para sua saúde:


 
 
 
 
 
 
 
 
Sua vida Sem Glúten muito mais gostosa
Apesar da inexistência de dados oficiais, sabe-se que no Brasil muitas pessoas são alérgicas ou intolerantes ao Glúten e não tem conhecimento deste fato.

O Glúten é a principal proteína presente no trigo, aveia, centeio, cevada e no malte (subproduto da cevada), cereais amplamente utilizados na composição de alimentos, bebidas e outros produtos não ingeríveis.

O Glúten agride e danifica as vilosidades do intestino delgado, prejudicando a absorção dos alimentos.

Além da Doença Celíaca, o Glúten pode provocar fadiga, irritabilidade, obesidade, diabetes, baixa imunidade, intoxicação, constipação intestinal crônica, enxaqueca, depressão, esterilidade e outras doenças assintomáticas.

Muitos profissionais de saúde, médicos e nutricionistas tem recomendado o consumo de alimentos Sem Glúten.

O único tratamento para a Doença Celíaca, é uma alimentação Sem Glúten por toda vida.

Para quem é intolerante ou deseja consumir produtos Sem Glúten, a GoodSoy produz uma ampla linha de produtos para você viver melhor.




Quais produtos da goodsoy não tem glútem?
 
É uma alternativa natural de reposição hormonal
A diminuição da produção de estrogênio no período da menopausa, quando cessam os ciclos menstruais, acarreta várias sensações desconfortáveis como “fogachos”, que são ondas de calor acompanhadas de sudorese, ressecamento vaginal, diminuição da libido, alterações da pele e cabelos, insônia, cansaço, obesidade, entre outros. Estes sintomas podem ser acompanhados de nervosismo, irritação, lapsos de memória, ansiedade, depressão e alteração do humor. O climatério é um processo normal em todas as mulheres, porém muitos estudos mostram que alguns alimentos reduzem o desconforto causado por esses processos, sendo a soja o mais importante deles.

As terapias de tratamento incluem reposição hormonal que podem aumentar o risco de câncer de mama. A substituição pelas isoflavonas da soja em sua formas agliconas tem mostrado resultados bastante promissores, tornando-se uma alternativa à reposição hormonal química.

Consumida em sua forma integral, a soja em grão ou na forma de farinha, tem-se mostrado mais eficaz na absorção dos elementos bioativos do que em suas formas isoladas.

 
Ajuda a prevenir a osteoporose
A osteoporose (“osso poroso”) é uma doença crônica que ocorre quando a taxa de degradação óssea dos osteoblastos excede à sua formação, principalmente em mulheres na pós-menopausa quando se perde o efeito protetor do estrogênio..

Segundo pesquisadores, a ingestão da soja contribui para a prevenção da osteoporose, devido à ligação dos isoflavonóides aos receptores de hormônio, o que influencia a reabsorção urinária e óssea do cálcio. As isoflavonas, maiores componentes fenólicos presentes na soja podem
prevenir a perda óssea pós-menopausa. e a osteoporose (Brandi, 1997). Isso ocorre especialmente porque as isoflavonas apresentam efeito de fito-hormônio, ou seja, atuam como estrógenos e devido à sua semelhança química com a ipriflavona (isofavonóide semi-sintético estruturalmente similar aos flavonóides da soja) pode além de inibir a perda dos ossos, estimular a sua produção.
 
Auxilia no controle do diabetes
O Diabetes Mellitus é uma doença crônica caracterizada por níveis elevados de glicose sanguinea em situações de jejum, causada pelo déficit da secreção ou da ação da insulina.( Pallardo,1977), principal hormônio que regula o metabolismo da glicose.

A fibra alimentar da soja tem demonstrado exercer papel protetor no controle das alterações metabólicas do diabetes, reduzindo os níveis plasmáticos de glicose em indivíduos diabéticos tipo II.

Muitos estudos tem apontado a ação da genisteína, principal isoflavona encontrada na soja, como um composto regulador da secreção de insulina, sugerindo que esta isoflavona pode atuar positivamente no tratamento do diabetes tipo II. Provavelmente devido ao efeito inibidor da proteína tirosina quinase pela genisteína. A ingestão de proteína de soja associada às isoflavonas para pacientes diabéticos tem demonstrado a longo prazo uma melhora do controle glicêmico e diminuição da resistência à insulina.
 
Soja, uma das melhores fontes de proteínas da Terra
A soja contém elevado teor protéico ( 40- 45%), é consumida por milhões de pessoas em todo o mundo na forma de óleos comestíveis e grande variedade de produtos, tais como: molho de soja, pasta fermentada, queijo(tofu), farinha integral, proteína vegetal texturizada( 52%), proteína concentrada(68%), proteína isolada(90%), extrato de soja(leite) e margarinas. As proteínas da soja tem ampla aplicação em confeitaria, panificação, sucos, iogurtes, produtos cárneos e embutidos em geral. É considerada o melhor substituto para os produtos protéicos de origem animal.

A soja, como alimento funcional tem seus efeitos associados a alguns componentes, como proteína, isoflavonóides, oligossacarídeos e fibras . Sua composição química inclui proteínas, lipídios, carboidratos complexos, oligossacarídeos, fibras solúveis e insolúveis, minerais,
vitaminas e fitoquímicos. Em 100g de amostra (em base seca), a soja contém em média 40g de proteínas, 30g de carbohidratos, 20g de lipídios, 230mg de cálcio, 580mg de fósforo e 9,4mg de ferro. A soja também contém os ácidos graxos essenciais, linoléico(ômega 6) e linolênico(ômega 3), algumas vitaminas e compostos fitoquímicos, como as isoflavonas.

A qualidade de uma proteína é avaliada por sua composição especifica de aminoácidos e pela facilidade com que é digerida e absorvida pelo organismo. De todas as proteínas dos alimentos de origem vegetal, as da soja com PDCAAS = 1,0 , são as que apresentam melhor composição em aminoácidos. E em razão da alta qualidade biológica da sua proteína, a farinha de soja é largamente empregada na produção de alimentos infantis e dietéticos (por ser pobre em hidratos de carbono). Para indivíduos com intolerância à lactose, o extrato de soja é uma alternativa.

Diversos estudos já mostraram os benefícios das proteínas da soja no tratamento e/ou regressão de diversas patologias, tais como doenças cardiovasculares, câncer, diabetes, obesidade, osteoporose e alívio dos sintomas da menopausa.
 
Melhora a saúde de seu coração
O consumo da soja tem sido associado à redução de doenças cardiovasculares e muitos estudos apontam para conclusões de que as isoflavonas diminuem os níveis de colesterol total, diminuem a fração LDL e aumentam a fraçao HDL no sangue e também protegem contra o desenvolvimento de placas de ateroma, principal causa de enfartos e derrame cerebral.

Os efeitos relacionados à ação da genisteína, mostram maior captação hepática do LDL, incremento na elasticidade arterial e melhora o tônus vasomotor arterial.

Em 1999, o FDA(Food and Drug Administration) autorizou o uso de alegação de saúde em alimentos contendo proteínas de soja, atestando o papel destas, na reduçao do risco de doenças cardiovasculares quando aliadas à ingestão de dieta pobre em gorduras saturadas e prática de exercícios. A quantidade de proteína de soja ingerida para obter tais efeitos deve ser de 25g por dia.

No Brasil, a ANVISA já autorizou esta mesma alegação em relação às proteínas da soja.
 
Soja é uma ótima fonte de energia
Sabe-se que a soja é rica em aminoácidos essenciais, antioxidantes e fitosteróis.
Além da proteína da soja promover um ganho de massa muscular semelhante ao da proteína do leite, ela contém antioxidantes que depletados durante o exercício, podem não só ajudar no ganho de massa magra, como também promover outros aspectos da saúde, protegendo o organismo contra os danos celulares que levam ao envelhecimento.

Para atletas, a arginina auxilia na redução do estresse fisiológico, melhora a saúde dos vasos sanguíneos e aumenta a função imunológica. A glutamina auxilia na manutenção da hidratação celular e tampona o aumento do ácido lático que ocorre durante o exercício.



Conheça a GoodSoy Produtos   Onde Encontrar   Fale Conosco   Cadastre-se

D3! Estúdio de Mídia Interativa Editado por TBA Digital